menu

Image Map

quinta-feira, 13 de novembro de 2014

QUANDO TIRAR A FRALDA?

Confesso que andei um pouco confusa nesses últimos meses. Tantos palpites, cada hora é um que chega e pergunta se eu já tirei a fralda do Caleb, me sinto pressionada. 

Antes a pergunta era se ele já andava e falava, agora é se ainda usa fralda, toma mamadeira e chupa chupeta. Gente do céu!

Acredito que cada criança tem o seu tempo, para que apressar as coisas...

Já conversei com a pediatra do Caleb sobre o desfralde e ela aconselha por volta de uns 2 anos e meio, já a minha psicóloga, que por sinal as vezes me irrita rsrsrs, fica me pressionando dizendo que já passou da hora de tirar a fralda do Caleb, que o ideal era ter tirado antes dos 2 anos. Como assim? Discordo completamente.

O Caleb ainda tem 2 anos e 2 meses, não vou apressar as coisas. Ele já me avisa quando faz coco, agora só falta o xixi. Quando eu perceber que ele está se sentindo seguro, vou começar a tirar a fralda.


Nessas horas aparecem os palpiteiros de plantão, amigos, familiares, vizinhos, médicos e até quem não foi chamado na conversa rsrsrs, siga sua intuição de mãe e faça o que você acha o  melhor. Se a gente for parar para escutar os palpites de todo mundo, vamos enlouquecer!




Obs: Na foto meu príncipe Caleb quando estava com 4 meses.


Segue abaixo algumas dicas do pediatra Dr. Roberto Cooper






Só existe uma regra para se desfraldar uma criança: NÃO HÁ REGRAS! 
A criança precisa estar pronta física e emocionalmente para se iniciar o desfralde. Não há uma idade precisa para este momento. Cada criança é única e vai estar pronta quando estiver. Isso é normal. 
Algumas crianças estarão prontas a partir de dois anos, outras a partir de dois anos e meio ou mais. Se começar o desfralde cedo demais pode levar mais tempo. Não há como apressar a natureza de cada criança.
Como saber que a criança está pronta? Abaixo, alguns sinais:
  • Fica com a fralda seca por períodos mais longos, durante o dia.
  • Reclama de fraldas molhadas ou sujas.
  • Mostra curiosidade ou interesse pelo vaso sanitário ou em usar cuecas ou calcinhas.
  • Entende e obedece a “ordens” simples.
  • É capaz de abaixar as calças ou shorts
  • Tem horário para fazer cocô
  • Avisa, com palavras, gestos ou expressões corporais que está com vontade de fazer cocô ou xixi.

Se o seu filho ou filha está pronto, então vamos passar ao próximo passo, que é o desfralde propriamente dito. Algumas dicas:

  • Leve seu filho ou filha para escolher o penico e/ou adaptador para o vaso. Converse com ele ou ela sobre a finalidade do penico ou vaso.
  • Se a escolha for por um adaptador, não se esqueça de colocar um banquinho para a criança apoiar ambos os pés. A criança não deve ficar com os pés balançando no ar.
  • Coloque o penico no banheiro.
  • Demonstre o uso, jogando o cocô da fralda no penico ou vaso.
  • Tenha senso de humor e uma atitude positiva. Nada de críticas ou irritações!
  • Celebre as pequenas conquistas (e as grandes também!).
  • Fique ao lado da criança enquanto está usando o penico. Converse com ela, de forma descontraída.
  • Crie uma pequena rotina de sentar no penico por pouco tempo, em alguns momentos como depois de almoçar e jantar. Se a criança tem um horário para fazer cocô nas fraldas, peça para se sentar no penico próximo a esse horário.
  • Ao perceber o desejo da criança, leve-a ao penico
  • Converse sobre não usar mais fraldas e, um dia, pare de usá-las. Muitas crianças ficam confusas porque iniciam o treinamento de uso do penico e seus pais demoram a retirar a fralda. Não espere que a criança esteja uma expert em penicos para retirar sua fralda. É o oposto, retirando a fralda é que ela se tornará uma expert em penicos.
  • Se perceber que esse treinamento está sendo completamente insatisfatório e/ou que a criança resiste ou demonstra irritação, não hesite em interrompê-lo e esperar uns meses para recomeçar.
  • Acidentes acontecem, estejam preparados. Encare com naturalidade e calma, sem imaginar que seja um retrocesso do seu filho. Crianças se distraem e preferem continuar a brincar do que parar para ir ao banheiro.
  • O controle dormindo ou noturno é mais demorado, podendo levar meses ou até anos, depois do controle diurno. Fazer xixi na cama, à noite, pode ser normal até uma idade bem mais velha.
Não compare crianças, nem mesmo irmãos, com relação à idade e velocidade do desfralde. Se acharem que está muito lento ou ficarem muito preocupados, deem uma olhada na rua. Não encontrarão nenhum adulto saudável de fraldas! Todos, ao seu tempo, deixarão de usar fraldas. Divirtam-se!


Site do Dr. Roberto: http://robertocooper.com/




Nenhum comentário:

Postar um comentário